Perfect Clean consciencializa os seus colaboradores para a Segurança da Informação
29 Nov

Perfect Clean consciencializa os seus colaboradores para a Segurança da Informação

A segurança da informação é um dos temas de maior relevância no contexto corporativo, nos dias de hoje. E por este motivo, merece toda a atenção e preocupação por parte dos gestores e líderes das empresas.

Na Perfect Clean temos o firme propósito de manter protegidos, seja de qual ameaça for, todos os dados e informações quer da nossa organização, quer dos nossos clientes. A segurança da informação representa um dos vetores de maior relevância perante os desafios e a evolução constante das ameaças de cibersegurança.

Jaime Carvalho, Chief Information Officer, reforça a importância da segurança informática, considerando-a “determinante no nosso dia-a-dia, principalmente no que respeita aos nossos clientes, à nossa organização e a toda e qualquer informação a que temos acesso.”

Acreditamos que a consciencialização é uma das melhores formas de incentivar e alertar os nossos colaboradores a terem comportamentos preventivos, nunca colocando em risco dados sensíveis com os quais trabalhamos diariamente. Por este motivo, para além de todas as ferramentas e ações preventivas que coloca em prática, a Perfect Clean aposta igualmente, na divulgação de campanhas internas focadas em transmissão de passwords e de dados para consciencializar os seus colaboradores para cibercrimes.

Para a Perfect Clean, a segurança dos dados da organização, dos clientes e de cada colaborador tem uma importância extrema. Neste sentido, partilhamos dicas e alertas para que possamos manter todos os dados seguros dentro da nossa organização. A segurança começa em cada um de nós, e cada um de nós deve estar atento.

Em suma, os princípios da segurança da informação em que nos focamos diariamente são a confidencialidade, confiabilidade, integridade, disponibilidade e a autenticidade.

A Segurança da Informação

O mais recente relatório do Gabinete do Cibercrime da Procuradoria-Geral da República, que recolhe dados referentes ao 1º semestre de 2022, indica que foram recebidas 852 queixas, mais 43% do que no período homólogo, no qual se havia registado 594.

O Dia da Segurança do Computador foi criado em 1988 com o objetivo de alertar para os perigos que um computador não protegido corre, seja de uso pessoal, como profissional.

Comments are closed.